Tanto as baixas temperaturas no inverno, como as altas temperaturas no verão, levam as pessoas a manter o ambiente fechado.

Seja para amenizar as baixas temperaturas ou até mesmo para utilizar o condicionador de ar nas temperaturas mais altas, essa é uma ferramenta que todos usamos em nosso dia a dia. 

No entanto, o que muitas pessoas esquecem é que um ambiente fechado, somado à aglomeração de pessoas, acaba elevando o risco de contágio por doenças transmitidas pelas vias aéreas.

Os ambientes de uma empresa procuram pelo conforto térmico para sua equipe, que se encontra sempre dentro de um mesmo ambiente.

Por isso deve se existir uma preocupação com a saúde de todos. 

Confira a seguir 5 riscos que um ambiente fechado pode trazer para a saúde de um profissional:

1. Propagação de vírus e bactérias

Os ambientes fechados facilitam a propagação de vírus e bactérias que podem resultar em diversas doenças.

Isso acontece principalmente durante o inverno, quando as temperaturas se tornam mais baixas e o ar mais seco. 

Esse clima acaba contribuindo para que o organismo fique mais vulnerável e propenso a infecções.

O hábito que as pessoas têm de manter os ambientes fechados para evitar o frio do inverno, pode contribuir ainda mais para a propagação de vírus e bactérias.

Devido ao fato de que em ambientes fechados a circulação de ar e a ventilação são menores. O resultado é o aumento da presença de agentes causadores de doenças no ar.

2. Propagação de resfriados, inflamação na garganta e gripes

Diferente do que muitas pessoas pensam, a gripe, os resfriados e as inflamações na garganta, são doenças diferentes, causadas por agentes diferentes.

A gripe é causada pelo vírus conhecido como Influenza (A e B). É uma doença respiratória aguda, cuja transmissão ocorre pelas vias aéreas.

Frequentemente ocorrem surtos e epidemias de gripe por todo o mundo, ano após ano, principalmente nos meses de baixas temperaturas.

Já o resfriado trata-se de uma doença mais leve, que ataca de forma gradual, com tosses irritativas, cansaço e dores no corpo.

A doença pode ser causada por mais de 200 vírus diferentes, embora o mais comum seja o rinovírus.

A dor de garganta normalmente é causada pela amigdalite, uma inflamação ou inchaço nas amígdalas que ocorre tanto por vírus, como por bactérias.

Mesmo se tratando de doenças diferentes, todas são infecciosas.

Por isso é muito importante que pessoas gripadas, resfriadas ou com a garganta inflamada, não venham a compartilhar utensílios como copos e talheres, nem mantenham contato muito próximo até que a doença seja curada.

3. Adquirir problemas respiratórios

Ambientes fechados aumentam a incidência de doenças causadas por vírus e bactérias.

Eles também ajudam a causar e a agravar problemas respiratórios, como sinusites, rinites, asma e alergias.

O tempo frio e seco contribui bastante para o surgimento e agravamento de problemas respiratórios.

Mas vale lembrar que os ambientes fechados e o uso excessivo do ar-condicionado também agravam o problema.

Para evitar os problemas respiratórios, é importante que aconteça circulação de ar no ambiente e que sejam evitados lugares com possíveis alérgenos, como a fumaça de cigarro, por exemplo.

4. Adquirir pneumonia

A pneumonia também é uma doença de ordem respiratória, causada por vírus, fungos e bactérias.

Contudo, ela é considerada muito mais grave do que gripes, resfriados e inflamações na garganta.

Trata-se de uma inflamação nos pulmões que ataca os alvéolos, justamente o local onde ocorrem as trocas gasosas.

A doença pode ser causada por diversos agentes infecciosos ou ainda por substâncias químicas.

5. Adquirir meningite

A meningite também pode ser viral, bacteriana ou fúngica, havendo sintomas específicos para cada um dos tipos da doença.

Ela se trata de uma inflamação que ocorre nas meninges, que são as membranas que envolvem o cérebro. 

É uma doença um tanto rara, mas que merece muita atenção, cuidado e prevenção, pois pode causar sequelas permanentes e levar até mesmo à morte.

Como pode se perceber, existem muitos riscos que um ambiente fechado oferece à saúde do profissional.

Eles afetam a qualidade de vida no trabalho e colaboram com a diminuição da produtividade na empresa.

Afinal, funcionários com riscos de saúde e pouca qualidade de vida no trabalho, tendem a ter um aproveitamento menor e até um mesmo um índice de absenteísmo maior.

Esse tipo de situação acaba afetando resultados da empresa como um todo.

Por essa razão, é essencial investir em qualidade de vida no ambiente de trabalho e cuidar com os riscos advindos de um ambiente fechado. 

Agora que você compreende o risco de um ambiente fechado, aproveite e entenda por que é fundamental realizar a manutenção de exaustores de maneira preventiva.

Esperamos que tenha gostado do nosso conteúdo. Confira também este material completo com tudo o que você precisa saber sobre Climatização. É gratuito!

5 riscos que um ambiente fechado pode trazer para a saúde do profissional

Um comentário em “5 riscos que um ambiente fechado pode trazer para a saúde do profissional”

  1. No final eles só estão preocupados com o desempenho da empresa e não com saúde do funcionário. Eles dizem que o funcionário deve ficar saudável só para ele produzir o que está programado, ou seja, a preocupação é com a produção da empresa e não com o trabalhador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *