O ar condicionado é uma solução bastante comum e eficiente para ajudar a manter o conforto térmico de um ambiente.

Porém, existem diversos gastos que acompanham sua instalação, manutenção e limpeza além do aumento na sua conta de energia.

Sendo assim, otimizar o uso do ar condicionado é necessário para que sua empresa não tenha problemas com custos.

É possível, também, amenizar os custos através de algumas medidas simples. 

Quer saber mais sobre isso? Então confira nossas dicas para otimizar o uso do ar condicionado em seus ambientes, seja em casa ou na sua empresa! 

Como diminuir o uso do ar condicionado?

Uma das formas mais simples de manter um bom uso do ar condicionado é simplesmente desligá-lo.

O problema é que isso nem sempre é possível em dias de calor intenso, o que é algo muito comum no verão, por exemplo.

Felizmente, como o calor não é constante em todos os dias da estação, você pode seguir algumas das sugestões adiante.

A solução é aproveitar bem os recursos naturais e garantir um pouco de sobrevida ao seu aparelho.

Explore a ventilação natural

As janelas influenciam bastante na circulação e na qualidade do ar nos ambientes.

Por isso, em dias mais amenos e com uma ventilação mais agradável, certifique-se de abrir todas as janelas e deixar o ambiente arejado enquanto o ar condicionado não funciona. 

Essas brisas que entram no ambiente deixam o clima tão proveitoso quanto o aparelho em pleno funcionamento.

Faça uma boa instalação

O local onde é instalado o ar condicionado deve ser tão fácil de acessar quanto fácil de refrigerar o ar que vem de fora. 

Como a maior parte dos modelos comercializados é o split, o recomendado é colocá-lo no teto, próximo a alguma saída fácil de ar para os equipamentos.

Prédios, de forma geral, já costumam apresentar esse espaço. Por outro lado, lojas e outros estabelecimentos precisam adaptar o local para receber o aparelho.

Invista em isolamento térmico

Nem sempre isso é possível, mas alguns imóveis permitem obras para garantir mais isolamento térmico.

Em termos práticos, isso significa menor absorção do ambiente externo pelas paredes, o que garante maior proteção no ambiente.

Alguns restaurantes, inclusive, tomam esse tipo de cuidado para que seus produtos sejam melhor conservados.

Além do mais, o isolamento térmico traz satisfação para o cliente, uma vez que garante o conforto térmico.

Outro ponto positivo: em dias um pouco mais amenos, um ar condicionado não será necessário.

Essa dica fica ainda mais interessante, levando em conta os dias em que o próprio ar condicionado precisa de manutenção e limpeza e acaba ficando desligado. 

Também é possível conferir a previsão do tempo, fazer estes reparos em dias com temperaturas mais amenas. Dessa forma é possível garantir um ambiente mais agradável.

Como ajustar a temperatura certa?

É normal que em dias de calor muito intenso, o ar condicionado seja reduzido a temperaturas mínimas.

E é justamente esse o motivo pelo qual os custos com ele chegam a valores bem altos.

Isso ocorre não apenas com a conta de luz em si, mas em reparos. Quando configurado para temperaturas muito baixas, o aparelho precisa fazer mais esforço em suas peças e mantê-lo assim de forma constante. 

Por padrão, a temperatura média do ar condicionado para que ele opere por muito tempo e com qualidade é 23ºC.

É o ideal para dias com temperaturas acima dos 30ºC e suficiente para entregar um clima mais agradável para espaços relativamente grandes.

Outra razão para que a temperatura não seja maior ou menor que a indicada é quanto a saúde.

Quando configurado a 23ºC, é possível que qualquer pessoa possa usufruir do aparelho, mesmo quem tem problemas com temperaturas mais baixas.

Por ser um ar seco, o ar condicionado em temperaturas muito baixas pode causar problemas graves de respiração em algumas pessoas.

Além disso, os riscos de choques térmicos devido à mudança brusca de ambientes diminuem significativamente. 

Com essa temperatura, os custos com contas de energia são reduzidos e nivelados em valores amenos.

Até mesmo a manutenção costuma ser mais espaçada, o que garante uma boa economia também a longo prazo também.

Aumentar ou diminuir a temperatura só é necessário em condições bem específicas.

Para ambientes com muitas pessoas em um espaço menor, pode-se diminuir a temperatura para até 20ºC. Como são ocasiões momentâneas, os custos não ficarão tão altos.

Já para ambientes muito grandes, mas com poucas pessoas, pode-se aumentar a temperatura até 26ºC.

Estes são os dias em que o movimento é menor, mas as temperaturas externas ainda são altas o suficiente para manter um ar condicionado ligado.

Por fim, considere o modelo de ar condicionado em si e faça os cálculos de BTUs.

Basicamente, o cálculo de BTUs é feito de acordo com o espaço coberto pelo aparelho. Isso indica  qual é o modelo mais indicado para cada ambiente. 

O tipo de ar condicionado também deve ser considerado no custo-benefício, já que modelos diferentes cobrem o espaço de formas mais eficientes.

O ar condicionado deve ser mesmo usado?

Pode parecer estranho fazer uma pergunta como essa considerando todos os benefícios do ar condicionado e as formas de usá-lo economicamente.

Porém, existem alguns aparelhos que podem causar efeitos tão bons quanto ou ainda melhores, como os climatizadores.

Bem semelhante ao ar condicionado, o climatizador pode baixar a temperatura ambiente em até 12ºC, mantendo o ar em constante renovação.

Ele também tem o poder de umidificar o ar, o que é essencial para pessoas com problemas respiratórios e regiões de clima seco. 

Do ponto de vista econômico, o climatizador consome 90% menos energia que o ar condicionado e tem preço mais acessível. 

Pronto! Agora você já sabe o que fazer para otimizar o uso do ar condicionado no seu estabelecimento.

Como é um aparelho cheio particularidades, precisa de bons esclarecimentos para se fazer bom uso, prolongar sua vida útil e diminuir as idas à manutenção.

Saiba como otimizar o uso do ar condicionado em seu estabelecimento


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *